Operação Faroeste: Presidente do Tribunal de Justiça da Bahia e juizes são afastados acusados de venda de decisões judiciais

Presidente do TJ-BA, três desembargadores e dois juízes são afastados por 90 dias

O presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), desembargador Gesivaldo Britto, mais três desembargadores e dois juízes foram afastados das suas funções por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), conforme apurado pelo Bahia Notícias.

Na manhã desta terça-feira (19), a Polícia Federal deflagrou a Operação Faroeste para desarticular um possível esquema criminoso voltado a venda de decisões judiciais por juízes e desembargadores do TJ-BA, além de corrupção ativa e passiva, lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico de influência.

Mais de 200 policiais federais, acompanhados de procuradores da República, cumprem quatro mandados de prisão e 40 mandados de busca e apreensão em gabinetes, fóruns, escritórios de advocacia, empresas e nas residências dos investigados, nas cidades de Salvador, Barreiras, Formosa do Rio Preto e Santa Rita de Cássia, na Bahia, e em Brasília.

Next Post

PT entra na briga pela instauração de CPI contra Marcelo e emite nota cobrando coesão da bancada na Câmara

ter nov 19 , 2019
  O PT- Partido dos Trabalhadores  que tem a maior bancada na Câmara Municipal de Itamaraju, acaba de divulgar uma nota( terça-feira 19) tornando pública sua posição sobre a  abertura de uma CPI que está pra ser instaurada a fim de investigar denúncias de fraude em licitação e falsificação de documento, envolvendo o prefeito Marcelo Angênica (PSDB) e o secretário […]
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter